Diretoria de educação internacional

A Diretoria de Educação Internacional da ANEBHI tem como propostas, auxiliar educadores a conhecerem experiências bem sucedidas de ensino híbrido para educação básica no cenário internacional, fortalecendo a cooperação e a interação entre educadores de diferentes Instituições de Ensino Básico no âmbito internacional.

Essa Diretoria de Educação Internacional responde pelos contatos, acordos de cooperação e convênios internacionais da Associação e tem como principal objetivo, promover, coordenar e consolidar as políticas de cooperação internacional de educação básica híbrida da ANEBHI, além de desenvolver ações, em parceria com órgãos governamentais e não governamentais, públicos ou privados de diferentes países, que possam fortalecer o processo de internacionalização da ANEBHI e seus associados.

Estamos sempre em busca de potenciais instituições estrangeiras que tenham interesse em firmar parcerias e convênios com a Associação visando promover a troca de informações, publicações, realizar eventos e seminários internacionais, para os associados, além de incentivar e organizar visitas técnicas a instituições estrangeiras que tenham como tema de estudo a educação básica híbrida em suas diferentes formas.

Mantemos sempre atualizado, um banco de dados com oportunidades acadêmicas e informações sobre acordos de cooperação, convênios, oportunidade de intercâmbios entre professores e escolas, cursos, seminários, estágios, bolsas de estudos e programas de instituições governamentais e não governamentais estrangeiras sempre relativas ao Ensino Híbrido facilitando assim o acesso aos associados.

Além de sermos responsáveis por revisar, organizar, documentar e publicar os documentos relacionados à área de educação híbrida no contexto internacional.


Lara Crivelaro

Conselheiros

Ana M. Gimeno-Sanz

É Professora Titular de Língua Inglesa e Lingüística Aplicada do Departamento de Linguística Aplicada da Universitat Politècnica de València, Espanha. Ela é Chefe do Grupo de Pesquisa CAMILLE e Presidente da WorldCALL, a organização mundial para Aprendizagem de Línguas Assistidas por Computador. Ela também é editora-chefe da revista científica online da EuroCALL, The EuroCALL Review e Editora Associada da ReCALL (CUP).

Andrew J Cary

Vice-presidente sênior de estratégia e parcerias do Portfólio Digital BULB, forneceu liderança excepcional e serviços de consultoria independentes para os setores privado, público e sem fins lucrativos por mais de 30 anos. Ancorado em uma história profissional impressionante, ele desenvolveu uma reputação de líder de sucesso em todos os ambientes, com grupos de trabalho diversos e divergentes. Trabalhou com setores público (LAUSD, BCity Schools), sem fins lucrativos (Recuperação de desastres, populações sub-representadas) e privado (TransACT; Schoolnet / Pearson; SAFARI Montage) no Departamento de Estado; Agência de Serviço Educacional; e níveis distritais CGCS. Além disso, ele tem sido extraordinariamente bem-sucedido na aplicação de suas experiências para ajudar a mover as organizações de sua condição de desempenho atual para capacidade, crescimento e oportunidade irrestritos.

Ariana Cosme

Doutorada em Ciências da Educação pela Universidade do Porto, é professora na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação na mesma universidade onde coordena mestrados, cursos de pós-graduação e formação contínua de professores e integra a coordenação do Observatório de Vida nas Escolas e do Programa de Mentoria. É perita externa em escolas TEIP, PPIPs, avaliadora da IGEC na Avaliação Externa de Agrupamentos de Escolas. Foi consultora do Ministério da Educação de Portugal para o Projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular de que é a avaliadora externa. É associada do Movimento da Escola Moderna Portuguesa desde 1980. Autora de diversos livros e artigos, entre os quais Autonomia e Flexibilidade Curricular – Propostas e Estratégias de Ação e Cidadania e Desenvolvimento- Propostas e Estratégias de Ação (em coautoria com Rui Trindade), publicados pela Porto Editora.

David Hooser

Ex-Executivo da área de Tecnologia, iniciou a construção de um projeto de escola digital em 2006 no Vale do Silicio, com o programa de ensino médio online americano, Franklin Virtual High School (FVHS) que foi oficializado em 2009. A Franklin Learning Centers (FLC) foi estabelecido em 2014 para facilitar parcerias globais que oferecem soluções inovadoras e econômicas, para alunos globais e atualmente oferece cursos para alunos de todas as idades, em 50 países e em vários idiomas.

Fred Daher

Marketing and Recruitment Manager LATAM – Amerigo Education Bacharel em Turismo e Pós-Graduado em MKT, com mais de 15 anos de experiência em educação Internacional. Sempre curioso e estudioso da relação entre tecnologia, educação e empregabilidade, fez parte do Ensino Médio nos EUA, além de acumular intercâmbios e experiências por mais de 35 países.

Julie Ciancio

Pro-Reitora do College of Education e Pro-Reitora de desenvolvimento internacional da Westcliff University em Irvine, Califórnia, EUA. Ela é a principal responsável pela internacionalização da instituição, criando oportunidades educacionais transnacionais. Bacharel em psicologia pela Regis University, mestre em Lingüística Aplicada e doutora em Psicologia Social pela Universidade de Brasília e MBA pela California State University.

Maria C M de Figueiredo-Cowen

Ph.D em Educação pela University College London (UCL). M.Sc. em Gestão e Planejamento Universitário pela Universidade de Wisconsin, USA. Inúmeros cursos de especialização pela Universidade de Paris (Sorbonne), INAS/Paris e IIPE/UNESCO. Professora no curso de Especialização em Educação Comparada, University College London Institute of Education. Dirigiu por 18 anos, na Universidade de Londres, programas de cooperação acadêmica entre a University of London, universidades brasileiras, Secretarias de Educação, CAPES e CNPq, em parceria com o MEC e o Itamaraty. Examinadora do Institute of Linguists (candidatos ao título de Mestrado), Londres. Professora de alunos aos exames CGSE (Português), A’ Levels e International Baccalauréat (Português e Inglês) em Londres. Autora de vários artigos, capítulos e livros sobre educação, na Europa. Autora de artigos sobre educação, literatura brasileira e francesa no Brasil. Consultora em educação. Vasta experiência dos sistemas educacionais brasileiro, inglês, francês e espanhol. No Brasil, foi pesquisadora, professora e gestora universitária, e assessora regional da CAPES.

Maria Teresa Pedroso Nemes

Ex-Diretora da EdUKationBR, empresa de consultoria britânica. Ministrou palestras e cursos para estudantes brasileiros sobre a vida no Reino Unido. Curadora da Anglo Brazilian Society (ABS) e da Anglo Latin American Foundation (ALAF). Tradutora oficial de visitas de brasileiros integrantes de atividades educacionais e culturais promovidas pelo British Council, CONSED e UCL. Auxílio logístico a professores de inglês sobre o sistema britânico de cursos de graduação lato sensu (convênio CAPES / IOE).

Sarah O’Sullivan

Natural da Irlanda, atua como consultora de educação internacional baseada no Rio de Janeiro (com formação em ciências sociais e jornalismo), fornece suporte estratégico para instituições internacionais de educação que desejam se conectar na América Latina. Atuou como representante da Education in Ireland no Brasil. A Sarah está atualmente construindo uma plataforma @soseducare com recursos educacionais gratuitos destinados à educadores na região, e montando uma rede internacional de especialistas de educação com o âmbito de compartilhamento das boas praticas. Ela está também criando uma plataforma para alunos da América Latina @sosestudar – um lugar onde eles podem encontrar informações oficias e objetivas.